terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Atividade para o Primeiro e Segundo ano


Prezado aluno, acesse os links abaixo e produzam um resumo sobre os temas em referência com no mínimo 12 linhas, no seu caderno.



REVOLTAS REGENCIAIS  -  PARA O SEGUNDO ANO



01 - http://blogdoprofessorrodrigo.wordpress.com/2011/05/22/resumo-revoltas-regenciais/


02 - http://novahistorianet.blogspot.com.br/2009/01/regncia-e-as-revoltas-regenciais.html

03 - http://www.sofi.com.br/node/507



CULTURA MEDIEVAL PARA O PRIMEIRO ANO



01 - http://www.sohistoria.com.br/ef2/cultmedieval/

02 - http://www.cienciashumanas.com.br/resumo_artigo_597/artigo_sobre_cultura_medieva

03 - http://www.infoescola.com/historia/igreja-e-cultura-medieval/


segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

CORREÇÃO DE EXERCÍCIOS DO SEGUNDO ANO



REVOLUÇÃO FRANCESA

01-  Como era caracterizada a França Antes da Revolução ?
R - Antes da Revolução a França era caracterizada pelo Antigo Regime, ou seja, o Absolutismo Monárquico, o Mercantilismo e a Sociedade Estamental.

02 - Como era dividida a Sociedade Francesa nesse período?
R - Era dividida por Estados: o primeira estado era o Clero, o segundo estado era a Nobreza e o Terceiro estado era a Burguesia e o Povão.

03 - Qual foi o lema( Ideais) da Revolução Francesa?
R- Liberdade, Igualdade e Fraternidade.

04 - Que novo regime foi implantado na França  com a derrubada do Absolutismo, e que movimento  cultural e filosófico contribuiu nesse sentido?

R- Foi o Iluminismo contra o Absolutismo  que implantou na França o Regime Liberal.

05 - Como podemos definir a Revolução Francesa?
R - A Revolução Francesa foi um conjunto de eventos que, de 1789 a 1799, alterou o quadro político, econômico e social da França.

06 - Que outros movimentos a Revolução Francesa veio influenciar?
R - a Revolução Francesa inspirou  reformas  em outros países: Independência das colônias espanholas e na Proclamação da Independência  do Brasil.

07 - Quais as duas principais causas da Revolução Francesa?

R - Dentre as principais causas da Revolução Francesa podemos destacar  o custo com a Monarquia, pois, o rei Luiz XVI e a sua corte gastavam enormes quantias para sustentar  seus privilégios. O outro fator importante foi o Movimento Iluminista com seu desejo por reformas  políticas  e econômicas e seus ideias de Liberdade, Igualdade e Fraternidade estampados nas cores da bandeira e no hino da França.


09 - Que  influência tiveram  os povos islâmicos sobre a Revolução Francesa?
R - O, povos islãmicos incorporaram  noções de  Pátria e Liberdade

10 - Como se alicerçava o Poder na França do século XVII?
R- Na teoria do direito divino dos reis, onde Luiz XVI governava sem nenhum  empecilho à sua autoridade.

11 - O que era A Assembléia  dos Estados Gerais?
R - Era um Conselho com representantes das várias  camadas sociais( que não era convocada desde 1614, situação essa  que passou a ser questionada  pela sociedade, em meio à crise financeira  do reino.

12 - Quais as causas dessas crise financeira?

R- Gastos colossais com a monutenção da luxuosa corte  de Versales e os enormes custos das diversas guerras dos monarcas Bourbon; A Guerra dos Sete anos( 1756-1763) e a participação  na Guerra da Independência dos Estados Unidos( 1776 - 1781).

13 - Que medida foi tomada pelo estado francês diante da crise?

R - O Estado impôs tributos e adotou medidas fiscais e comerciais, buscando receitas orçamentárias mas prejudicando os negócios.

14 - Qual a situação da burguesia perante o Estado?

R - Embora  o papel econômico  da burguesia fosse essencial  para o Estado, ela não tinha suficiente influência política e era marginalizada socialmente.

15 - Como era composta a burguesia, que juntamente com o povão formavam o terceiro estado?
R - A Burguesia era bastante heregênea, e era composta  de banqueiros, profissionais liberais, funcionários públicos e comerciantes.

16 - Como era constituída as camadas mais populares?
R - Era constituída por artesãos, trabalhadores manuais, sans-culotes e camponeses.

17 - Como era sustentada a sociedade?
R - R - Pelos tributos pagos pelo terceiro estado, pois, as duas outras camadas sociais tinham o privilégio da isenção de impostos.

18 - O que significa o termo Sans-cullotes?
R - O termo sans-cullotes, referido às pessoas  que usavam calças compridas em vez de calças  até os joeho  da gente rica foi horiginariamente aplicado  num sentido  puramente social aos pequenos  comerciantes, assalariados e vagabundos que da cidade, quer  do campo.



A LUTA DA ARISTOCRACIA

19 De que forma se deu  a Assembléia  dos Estados - Gerais de maio de 1789?
R  Após a demissão do ministro Charles  Alexandre Calonne pelo rei Luiz XVI, que nomeou  para seu lugar  Jackes Necker que o  convenceu  a convocar  a Assembléia dos Estados - Gerais para maio de 1789.

20 - O que era a Guarda Nacional:

R - Era uma milícia  burguesa que tinha por objetivo  resistir ao rei  e liderar a população civil, que começava a se armar.


21 - Qual foi o estopim da rebelião, que se alastrou de París para o resto da  França?

R - O  estopim da rebelião foi a invasão da fortaleza da Bastilha,um símbolo  do poder absolutista, onde  eram encarcerados  os inimigos da realeza, fato esse acontecido  em 14 de julho de 1789 pelo povo enfurecido com a situação crítica  do país.



A ASSEMBLÉIA NACIONAL - PRIMEIRA FASE

22 - Como se caracterizou  a Primeira etapa da Revolução Francesa?

R - A  Primeira etapa da Revolução Francesa, conhecida por FASE DA ASSEMBLÉIA NACIONAL, de 1789 a 1792, se caracterizou pela atuação da burguesia nas cidades e dos camponeses.A Burguesia lutava por  por conquistas sociais e políticas nas ruas e na Assembléia, e os camponeses destituíam autoridades e nobres de seus castelos e repartições.

23 - O que estabelecia a Declaração  dos Direitos  do Homem e do Cidadão, que foi inspirada da Independência dos Estados Unidos?

R - A Declaração  dos Direitos  do Homem e do Cidadão  estabelecia  a igualdade  de todos perante a Lei, o direito à propriedade privada e o direito de resistência  à opressão.

24 - O que determinava  a Constituição  Civil do Clero aprovada em julho de 1790? .

R - A pós o confisco dos bens da Igreja, foi aprovada  a Constituição  Civil do Clero aprovada em julho de 1790, que determinava  que os padres  passassem  a ser subordinados  ao Estado, como funcionários públicos, gerando protesto e resistência  entre os membros do Clero.


25 - Quais foram os dois grupos que disputavam na Assembleia Nacional?
R - Os dois grupos que disputavam espaço político na Assembléia Nacional eram os Gerondinos( da região da Gironda) e os Jacobinos( dominicanos, local de reunião), Os Gerondinos representavam a alta Burguesia e os Jacobinos representava inicialmente a ala moderada como elo entre  os membros radicais  da Assembléia e o movimento popular.

26 - O que foi e por quem foi comandado o Exército Popular?

R - Em meio as tensões, os Jacobinos  proclamaram  a "Pátria em Perigo" e forneceram armas  à população, formando, assim  um exército Popular  sob o comando dos jacobinos Marat, Danton e Robespierra, sendo essa força  que enfrentou  o exército  dos emigrados e prussianos e o conteve  às portas de París, na Batalha de Valmy, sendo  o rei acusado  de traição ao país, por colaborar com os invasores, e os revolucionários proclamaram  a Republica.



EXERCICIO DE FIXAÇÃO SOBRE  A CONSTRUÇÃO DO ESTADO BRASILEIRO


01 – De que resultou o Processo de  Construção do Estado Brasileiro?
Ø R - O Processo  de construção do Estado brasileiro  resultou  da parceria de parte da Monarquia Portuguesa, associada  a proprietários  rurais e comerciantes brasileiros,
02 – Quem liderou esse processo?
Ø  R -  Esteve à  frente  desse movimento  os grupos oligárquico( latifundiários), criadores de mecanismos políticos que garantiriam  sua perpetuação no poder, em detrimento de boa parte da população que continuava  excluída  do Estado “nacional” monárquico brasileiro.
03 – Como iniciou  Primeiro Reinado?
Ø  R- Com a Proclamação da Independência, tem início o Primeiro Reinado, garantindo  ao Brasil a autonomia em relação a Portugal, tendo à frente D. Pedro I, faltando ainda o reconhecimento internacional.
04 - Que regime  foi instituído logo após a Independência?
R – Monarquia Constitucional  representativa
05 – Quais eram as estruturas do Brasil colonial, que perdurou após a Independência?
Ø  R- Vale dizer que  a velha  estrutura colonial continua, como o escravismo, o latifúndio e o domínio político  da aristocracia, apesar da emancipação.
06 – Com quais setores da sociedade pode contar Dom Pedro I para implantar seu projeto?
Ø  R - Para garantir  a independência D. Pedro I precisou contar  com o apoio das elites locais formadas por altos funcionários públicos e membros da aristocracia.
07 – Como foi recebido no exterior  a Independência do Brasil?
Ø R - A notícia da Independência brasileira não foi muito bem recebida pela Monarquia Centralizada Europeia, o que dificultou   esse  reconhecimento internacional,
08 – Qual o primeiro país a reconhecer a Independência do Brasil?
Ø  R- Foi  Estados Unidos o primeiro pais a reconhecer a nossa independência, em 1824.

09 – Que pais atuou como mediador no reconhecimento da Independência, principalmente, junto a Portugal, e o que lhe rendeu?
Ø  R - A Inglaterra  foi a mediadora no reconhecimento por parte de Portugal, em  agosto de 1825, com a assinatura  do Tratado de Paz  e Aliança entre Portugal e Brasil, tendo os ingleses emprestado ao Brasil uma grande cifra em dinheiro para pagamento de indenizações a Portugal.
Ø  Vale dizer que A Inglaterra passou a ter muitos  privilégios, dentre eles as tarifas aduaneiras reduzidas de seus produtos, que entravam no pais com preços baixos prejudicando a indústria local, colocando o Brasil numa situação ruim, o que tinha que recorrer  a frequentes empréstimos, o que levava a maior dependência a Inglaterra.
10 – O que projeto constituinte defendia a maioria dos deputados na Assembléia de 1823?
Ø  Na Assembléia Constituinte de maio de  1823 composta de 90 deputados pertencentes à Aristocracia ( grandes proprietários, membros da Igreja, Juristas), na sua maioria defendia  a implantação de uma Monarquia Constitucional, com direitos individuais e limites dos poderes do Imperador, mas que se mantivesse a mesma estrutura  de domínio aristocrático.
11 – O que você entende por voto Censitário?
Ø R - , o voto de acordo com a renda,
12 – Por  que o Projeto do Deputado Antonio Carlos de Andrada( irmão de José Bonifácio) foi apelidado de Constituição da Mandioca?
Ø  R - Dentre as propostas do Deputado Antonio Carlos de Andrada, irmão de José Bonifácio, destaca-se a instituição do voto Censitário, isto é, o voto de acordo com a renda, o que ficou apelidado de Constituição da Mandioca, pois, a tal renda seria baseada no preço da mandioca.
13 – A decisão tomou  D. Pedro I quando sentiu que a maioria dos deputados constituintes poderiam aprovar um projeto diferente do seu?
Ø  Ao propor  a limitação do poder do Imperador, ficava claro que essa elite tinha um projeto próprio de pais  independente, diferente do projeto monárquico de Dom Pedro I e dos que lhe apoiavam, e é aí que Dom Pedro  dissolve a Constituinte  em novembro de 1823, e nomeia  um Conselho de Estado para ajuda-lo a redigir a Constituição de 1824, que foi outorgada( aprovada sem consulta popular, estabelecendo  a Monarquia hereditária, a divisão politico  administrativa  do território em províncias e a separação do poder politico em quatro ramos:



14 – Que regime foi estabelecido pela Constituição de 1824?
Ø  R - Constituição de 1824, que foi outorgada( aprovada sem consulta popular, estabelecendo  a Monarquia hereditária, a divisão politico  administrativa  do território em províncias e a separação do poder politico em quatro ramos:

15 –  Como ficou divido o poder coma aprovação da referida constituição?
R - Poder EXECUTIVO ( Imperador e   Ministros de Estado, para execução das leis); LEGISLATIVO( Câmara dos Deputados e Senado, para elaborar as leis); JUDICIÁRIO ( Juizes e Tribunais, para zelar pelo cumprimento das leis e julgamento dos infratores); MODERADOR ( atribuição  exclusiva  do Imperador, que regularia  os demais poderes), combinando o Constitucionalismo a mecanismos centralizadores








CORREÇÃO DE EXERCÍCIO DE REVISÃO PRIMEIRO ANO


 FEUDALISMO
01 - O que é feudalismo?
R - Feudalismo foi um tipo de organização política, social e econômica que caracterizou a Europa em boa parte da Idade Média
02 – Como era caracterizado  o sistema feudal  no período medieval?     R - , caracterizado por um poder Centralizado  nas mãos  dos senhores de terra, que administravam suas vilas da forma que achavam melhor;  pela produção agrária autosificiente voltada para o consumo  e pela importância e força  da Igreja Católica
03 -  Qual o significado de feudo? E Como era dividido?
R - O feudo era a unidade de produção do feudalismo e estava sob o domínio de um senhor feudal, sendo dividido dividido em manso senhorial(de uso exclusivo do senhor feudal      ), manso servil(  parte arrendada aos servos  ) e manso comuna (   , terras comuns a todos, como bosques e pastos).  Também contava com uma igreja ou capela para orações.
04 – Como era dividida a Sociedade Feudal?
R - Sociedade feudal  -  era composta de três grupos principais: o clero ( rezar e assegurar a salvação), a nobreza ( lutar para defender a população) e os camponeses( trabalhar para o sustento de todos) .      A posição social não dependia totalmente do nascimento. A Igreja possibilitava alguma forma de ascensão e mobilidade, ainda que pequena.
05 -  Em que estava baseado o trabalho na sociedade Feudal?
R – O  trabalho na sociedade Feudal estava baseado na servidão
06 – A sociedade Feudal baseava-se na existência de dois grupos sociais principais. Quais eram esses grupos?
R – A Sociedade Feudal baseava-se  na existência de dois grupos sociais principais; SENHORES E SERVOS
07 – Porque se diz que a sociedade no sistema Feudal era estamental ?
R – a Sociedade Feudal  pode ser caracterizada  estamental uma vez que  as categorias eram claramente definidas e não era comum haver qualquer tipo de   mobilidade
08 – Quem era o Suserano e o Vassalo no sistema feudal?
R - O sistema feudal funcionava através da concessão de terras entre nobres, Um senhor de terra, chamado suserano, concedia a terra a outro, chamado vassalo. Ao receber a terra, o vassalo jurava fidelidade ao suserano.  Suseranos e vassalos estavam ligados por obrigações, pois os vassalos deviam serviço militar ao suserano. Este, por sua vez, oferecia proteção militar ao vassalo.

Correção do  Exercício de Fixação sobre  A IGREJA  E A CULTURA  NO PERÍODO MEDIEVAL ( da pg. 210 a  216)
01 -   O que se deu com  o Cristianismo após a desagregação do Império Romano do Ocidente.
R – Esse fato veio contribuir para a forte religiosidade que marcou a mentalidade medieval, quando a Igreja  passa  a se organizar com o objetivo de zelar pela a unidade dos princípios da religião Cristã

02 – Quais os valores eram impostos às pessoas pelos membros da Igreja Medieval?

R – Passividade  e subordinação dos homens comuns perante do Senhor Espiritual( Clérigos), encarregados da proteção das almas, e do Senhor feudal, que garantia a segurança dos corpos.

03 – O que era Poder Temporal?

R -  Por ser a Igreja grande proprietária de terras, defendia o Poder Temporal, que valorizavam os bens materiais terrestres.
04 – O que você entende por Celibato, e  qual seu objetivo?
R – A Igreja medieval temendo ter que dividir seus bens em caso  de casamento de seus membros( Clérigos) , instituiu o Celibato, proibindo o casamento dos seus membros.

05 – O que era Clero Secular e Clero Regular?
R – Clero Secular defende a valorização  das coisas terrestres e o Clero Regular baseia-se nas regras ou votos, de castidade, pobreza e silêncio

06 – O que foi O cisma do Oriente?
R – O Cisma do Oriente consistiu na divisão da Igreja  em dois ramos, no ano de 1054, originando  a Igreja Ortodoxa( Oriente) e a  Igreja Católica Apostólica Romana ) Ocidente), com sede em Roma.

07 – O que você entende por Teocentrismo Cultural?

R – Teocentrismo  Cultural significou  o predomínio e monopólio da cultura através da Igreja Medieval, caracterizada  pela intensa religiosidade influenciando a mentalidade das pessoas dessa época.
08 -  Quem foi Santo Agostinho e quais suas ideias e obras?
R -  Santo Agostinho, que viveu entre 354 e 430,  foi um dos filósofos medievais preocupado basicamente  com assuntos  doutrinais cristãs, que se destacou momo sendo  um dos doutores da Igreja, sendo autor de Confissões e Cidade de Deus.

09 -  O que foi o Iluminismo?

R – Iluminismo  Foi um movimento  de valorização da racionalidade, ou seja,  a busca de verdades independentes das verdades  religiosas.

10 -  Porque  a Pintura e a escultura medieval  europeia possuíam  um papel educativo?
R - Pintura e a escultura medieval  europeia possuíam um papel educativo devido ao fato  de apenas poucas pessoas terem  acesso  à leitura, sendo a línguas latina a forma  de comunicação  da época. Assim sendo,  a Pintura e a  Escultura exerciam um papel contemplativo e de interpretação sem a necessidade da leitura oficial.
11 – Quais foram  os principais monumentos arquitetônicos desse período e qual seu estilo?

R -  A religiosidade  também foi refletida na Arquitetura medieval, sendo as igrejas os principais monumentos arquitetônicos desse período, sendo e o estilo  que mais se destacou, o  Românico, que teve seu auge nos séculos XI /  XII

12 – Em que áreas do conhecimento se destacaram os árabes?

R – Os bizantinos e, principalmente, os árabes  se destacaram  na Astronomia, Medicina  e Matemática( algarismos arábicos)



terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Paródia sobre a Revolução Francesa - Prof. Dodô




Foi na Revolução Francesa/
 O povo, o clero e a nobreza/
 Os 3 estados que tristeza/
Era a maior contradição /

 Primeiro estado era o clero
Segundo estado era a nobreza
 Terceiro estado que dureza / 
 A burguesia e o povão

 Liberdade e igualdade/  
Co'a fraternidade /
 Era um disfarce pra na verdade / 
Pra derrubada do poder

 E foi o Iluminismo  /
 Contra o absolutismo  /
 Que implantou lá pela França
 O Regime Liberal  /

 Mas o povo foi traído / 
Os ideais foram rompidos
 A ditadura vem de novo / 
Agora com Napoleão.


EXERCÍCIO
01 - Como era dividida a Sociedade Francesa antes da Revolução?
02 - Quais foram os ideias da Revolução Francesa?
03 - Que regime era adotado antes da Revolução na França?
04 - Que movimento cultural é responsável pela implantação do novo regime, e que regime era esse?
05 - Porque se diz que os ideias da revolução foram rompidos?

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

EXERCICIO DE FIXAÇÃO SOBRE A CONSTRUÇÃO DO ESTADO BRASILEIRO



  ATIVIDADE PARA O SEGUNDO ANO

01 – De que resultou o Processo de  Construção do Estado Brasileiro?
02 – Quem liderou esse processo?
03 – Como iniciou  Primeiro Reinado?
04 - Que regime  foi instituído logo após a Independência?
05 – Quais eram as estruturas do Brasil colonial, que perdurou após a Independência?
06 – Com quais setores da sociedade pode contar Dom Pedro I para implantar seu projeto?
07 – Como foi recebido no exterior  a Independência do Brasil?
08 – Qual o primeiro país a reconhecer a Independência do Brasil?
09 – Que pais atuou como mediador no reconhecimento da Independência, principalmente, junto a Portugal, e o que lhe rendeu?
10 – O que projeto constituinte defendia a maioria dos deputados na Assembléia de 1823?
11 – O que você entende por voto Censitário?
12 – Por  que o Projeto do Deputado Antonio Carlos de Andrada( irmão de José Bonifácio) foi apelidado de Constituição da Mandioca?
13 – A decisão tomou  D. Pedro I quando sentiu que a maioria dos deputados constituintes poderiam aprovar um projeto diferente do seu?
14 – Que regime foi estabelecido pela Constituição de 1824?
15 –  Como ficou divido o poder coma aprovação da referida constituição?

Exercício de Fixação sobre o Feudalismo e A IGREJA E A CULTURA NO PERÍODO MEDIEVAL









ATIVIDADE PARA O PRIMEIRO ANO

QUESTÕES SOBRE O FEUDALISMO
(Da pg. 206 a 209)

01 - O que é feudalismo?

02 – Como era caracterizado  o sistema feudal  no período medieval?

03 -  Qual o significado de feudo?

04 – Como era dividida a Sociedade Feudal?

05 -  Em que estava baseado o trabalho na sociedade Feudal?

06 – A sociedade Feudal baseava-se na existência de dois grupos sociais principais. Quais eram esses grupos?

07 – Porque se diz que a sociedade no sistema Feudal era estamental?

08 – Quem era o Suserano e o Vassalo no sistema feudal?



Questões sobre a Igreja e a Cultura Medieval

 ( da pg. 210 a  216)


01 -   O que se deu com  o Cristianismo após a desagregação do Império Romano do Ocidente.

02 – Quais os valores eram impostos às pessoas pelos membros da Igreja Medieval?

03 – O que era Poder Temporal?

04 – O que você entende por Celibato, e  qual seu objetivo?

05 – O que era Clero Secular e Clero Regular?

06 – O que foi O cisma do Oriente?

07 – O que você entende por Teocentrismo Cultural?

08 -  Quem fora Santo Agostinho e quais suas ideías e obras?

09 -  O que foi o Iluminismo?

10 -  Porque  a Pintura e a escultura medieval  europeia possuía um papel educativo?

11 – Quais foram  os principais monumentos arquitetônicos desse período e qual seu estilo?

12 – Em que áreas do conhecimento se destacaram os árabes?

terça-feira, 27 de novembro de 2012

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Estágio da professoranda Jordânia






Encerrando no dia de hoje, 21.11,  seu estágio de conclusão do curso de História da Urca, a jovem
estudante Jordânia Martins da Silva, que esolheu a Escola  de Ensino Médio Joaquim Valdevino de Brito
para a realização desse seu estágio. Ela se saiu muito bem pela sua desenvoltura tanto no domínio
dos conteúdos como na sua forma de explaná-los.A mesma contou com a colaboração do Grupo gestor, do professor titular e dos alunos.


Parabéns pra você: Maria Fernanda






Parabéns para a jovem  Maria Fernanda Cavalcante Leite aniversariante
deste dia 21,11. Ela é aluna do 1D da Escola Joaquim Valdevino de Brito, do turno da 
tarde, tando recebido a homenagem tradicional do "parabéns pra você" por parte dos seus
colegas de classe, na tarde deste mesmo dia.

1D DO JVB VISITARÁ MUSEU DO GONZAGÃO EM EXU -PE





Neste dia 24.11 os alunos do primeiro ano D - Turno Tarde da Escola Joaquim Valdevino
estarão indo até a cidade de Exu- PE para conhecerem de perto o Museu do Gonzagão.
A aula de campo  está sob a coordenação do Professor João Paulo de Carvalho.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Alunos da Escola Joaquim Valdevino de Brito premiados pelo resultado do Spaece recebem computadores




















Os alunos da Escola Joaquim Valdevino  Airton Mascena Dias, Damião Lino da Silva, Diogo Salviano, Edson Paulino de Alcântara,
Isabel Oliveira Monteiro, Luiza Genis Oliveira de Souza e Paulo David Rodrigues de Souza receberam  
na noite desta quarta-feira ( 14.11) a premiação de um computador para cada, por suas colocações no Spaece 2011.
 e o Violão do Cícero Alves, que é o coordenador pedagógico da referida escola.
Para a entrega dos prêmios duas representantes da Crede 18
Presente ao evento o grupo gestor da escola, professores e funcionários, alunos e pais ou representantes.

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

QUESTÕES COM DESCRITORES DO SPAECE – LINGUA PORTUGUESA - PRIMEIRO ANO






QUESTÕES COM DESCRITORES DO SPAECE –  LINGUA PORTUGUESA - PRIMEIRO ANO


O feudalismo marcou a idade média deixando a sociedade totalmente agrária e isolada, com poder descentralizado,  senhores feudais e servos.
O feudalismo surgiu com as invasões bárbaras no Império Romano do Ocidente que espalhado por toda a Europa, mudando totalmente o sistema adotado na época, com o fim do Império Romano as terras foram divididas entre os nobres, que receberam o título de senhores feudais.
Aos poucos a política foi ficando cada vez mais descentralizada e a economia voltada somente para a agricultura de subsistência e com trabalho dos servos, que trabalhavam em troca de um pedaço de terra para morar e proteção dos senhores feudais.
Uma das principais características do feudalismo é a relação de vassalagem e suserania, os suseranos eram os que ofereciam um pedaço de terra aos vassalos, esses deviam oferecer como pagamento sua fidelidade ao feudo e também todo o seu trabalho.
Os senhores feudais eram os responsáveis por todos os poderes, já que eram donos de toda a terra dos feudos. Todas as pessoas tinham suas funções dadas pelo nascimento, o que caracteriza uma sociedade feudal estática, onde a mobilidade social é quase nula.
Existiam a nobreza, que era formada pelos senhores feudais, cavaleiros, condes e viscondes, o clero, que era formado pelos membros da Igreja Católica e os servos que eram os camponeses e artesãos.

01 – (D-6) Identifique o tema do texto acima:
a) Imperialismo Romano
b) Feudalismo ( na Idade Média)
c) Vassalagem
d) Suserania
02 – (D-3) – A palavra agrária se refere a:
a) Industria
b) Comércio
c) Serviços
d) Agricultura
03 – (D-3) A palavra estática quer dizer:

a) Parada
b) Em movimento
c) Em ascensão
d) Com mobilidade

ATIVIDADES COM OS DESCRITORES DA LÍNGUA PORTUGUESA
É PRECISO PARAR DE PRENDER     Evandro Lins e Silva
Toda vez que a violência aumenta, as pessoas tendem a clamar por medidas punitivas mais rigorosas para os transgressores das leis. Pedem a pena de morte para os mais perigosos e cadeia para todos quanto saiam do trilho da conduta determinada pela legislação em vigor. Essa é uma reação instintiva e nada racional. Ninguém ignora que hoje no Brasil a prisão não regenera nem ressocializa as pessoas que são privadas da liberdade por terem cometido algum tipo de crime. Ao contrário, é de conhecimento geral que a cadeia perverte, corrompe, deforma e embrutece. É uma fábrica de reincidência e uma universidade às avessas, onde se diploma o profissional do crime. A prisão, essa monstruosa opção, perpetua-se ante a insensibilidade da maioria como uma forma ancestral de castigo. Positivamente, jamais se viu alguém sair de um cárcere melhor do que quando entrou. Os egressos do cárcere estão sujeitos a uma outra terrível condenação: o desemprego. Pior que tudo, são atirados a uma obrigatória marginalização. O ex-condenado só tem uma saída: incorporar-se ao crime organizado. A sociedade, que os enclausurou sob o pretexto hopócrita de reinseri-los em seu seio, os repudia.
Os partidários da volta a métodos bárbaros de repressão não entendem que estão transformando homens em feras e aumentando a legião de desajustados. Eles têm conquistado muito terreno no Brasil, nos últimos tempos, com a prisão cautelar que atinge os inocentes e serve de pretexto para a prática de constantes abusos de poder, e a agravação de penas para crimes hediondos. Procura-se criar uma atmosfera de pânico, que oferece ensejo`a pena de morte. Nenhum desses pregoeiros da repressão pensa na prevenção dos delitos, no atendimento aos menores abandonados, na criação de condições sócios-econômicas que impeçam a geração de novos delinquentes.
EXPLORANDO O TEXTO
04 - 01. (D-15) Assinale a alternativa que contenha uma afirmação mais verdadeira sobre o texto apresentado:
a. O autor não elabora um esquema argumentativo convincente sobre o sistema penitenciário no Brasil.
b. O autor não fundamenta o conteúdo das suas ideias com dados de observação sobre o sistema penitenciário no Brasil.
c. O autor critica severamente o sistema penitenciário no Brasil com um raciocínio lógico apresentando causas e efeitos que justificam o seu posicionamento.
d.O autor apoia-se meramente numa visão subjetiva ao condenar o sistema penitenciário vigente no Brasil.
e. O autor evidencia sempre seu ponto de vista com simples opinião.

05 - 02. (D-13) Do texto depreende-se que a sociedade é hipócrita pelo fato de:
a. reintegrar plenamente o ex-condenado ao seu seio.
b. oferecer ao detento condições favoráveis à sua recuperação.
c. mascarar a discriminação aos ex-condenados, enquanto finge aceitá-los.
d. procurar criar condições sócio-econômicas a fim de sanar a delinquência juvenil.
e. ser favorável à opressão do contingente de desajustados e criminosos.

06 - 03.(D-19) No segundo parágrafo, o autor se utiliza de expressão "pregoeiros da repressão." Aponte a alternativa em que se verifica, no texto, outra expressão de sentido equivalente:
a."egressos do cárcere"
b."profissional do crime"
c. "transgressores da lei"
d. "legião de desajustados"
e. "partidários da volta a métodos bárbaros"

07 - 04. (D-03) No trecho: "Positivamente, jamais se viu alguém sair de um cárcere melhor do que quando entrou." O termo "positivamente" no contexto do parágrafo equivale a:
a. definitivamente
b. necessariamente
c. eventualmente
d. principalmente
e. normalmente

08 - 05. (D-01) Segundo o autor, a criação de uma atmosfera de pânico na população terá com consequência a :
a. "prática de constantes abusos do poder."
b. "proposta legislativa do retorno à pena de morte."
c. "prevenção dos delitos."
d. "agravação de penas para crimes hediondos".
e. "criação de condições sócio-econômicas.

09 - 06. (D-01) Para o auator, o desemprego dos ex-condenados obriga-os à:
a. reintegração no mundo da criminalidade.
b. volta da política de ajuda mútua.
c. prática de métodos bárbaros de repressão.
d. reincidência de comportamentos racionais.
e. procura de alternativas viáveis no campo de trabalho.

Na frase:
10 - 07.(D-21) Alô, Joana, está tudo bem por aí?
O recurso estilístico utilizado na frase quanto a função de linguagem é:
a.função referencial
b.função fática
c.função referencial
d.função poética
e.função emotiva 

NOTA: RESPONDER NO CADERNO, VALENDO PONTO


ATIVIDADE COM DESCRITORES DO SPAECE- LINGUA PORTUGUESA - 2º ANO

ATIVIDADE PARA O SEGUNDO ANO


Foi na Revolução Francesa/ O povo, o clero e a nobreza/ Os 3 estados que tristeza
Era a maior contradição / Primeiro estado era o clero / Segundo estado era a nobreza
 Terceiro estado que dureza /  A burguesia e o povão /  Liberdade e igualdade 
Co'a fraternidade / Era um disfarce pra na verdade / Pra derrubada do poder
 E foi o Iluminismo  / Contra o absolutismo  / Que implantou lá pela França
 O Regime Liberal  / Mas o povo foi traído / Os ideais foram rompidos
 A ditadura vem de novo / Agora com Napoleão.


01 – (D-9) Quanto a gênero do texto, pode-se dizer que é uma:
a)      Descrição;
b)      Narração
c)       Dissertação
d)      Nenhuma das três

02– (D-6) Qual o tema do texto acima?
a)      Guerra
b)      Revolução
c)       Conflito


03 – (D-9) Quais os elementos (personagens)) que compõem o texto?
a)       O Iluminismo e Absolutismo
b)       Regime Liberal e França
c)       Liberdade, Igualdade e Fraternidade
d)      Clero, Nobreza, Povo+ Burguesia

04- D-13) Terceiro Estado “que tristeza”/”Que dureza” As expressões grifadas dão um sentido de:
a)      Louvor
b)      Ironia
c)       Saudação
d)      Júbilo
05– ( D-4) / Mas o povo foi traído / Os ideais foram rompidos  A ditadura vem de novo / Agora com Napoleão. O que o autor diz nas suas entrelinhas ( implicitamente)? Que a ditadura antes combatida estava de volta, pois, Napoleão assumiu o comando da França com poderes ditatoriais.

(           ) CERTO
(          ) ERRADO

06 - )D-3) Qual o significado da palavra Ditadura?
a)      Governo para todos
b)       Regime autoritário em que os poderes legislativo, executivo e judiciário estão nas mãos de uma única pessoa ou grupo de pessoas.
c)       Governo democrático aonde existe forte participação popular.
d)      Regime democrático em que os poderes legislativo, executivo e judiciário estão nas mãos de várias pessoas.

ISABEL
Sara Isabel, morena, tem quinze anos, mede 1,75, pesa sessenta e dois quilos e é de uma beleza irreparável. Cursa o primeiro ano do segundo grau no Colégio São Marcos e pretende se formar em medicina ou seguir a carreira de modelo.
Em casa é uma pessoa isolada, que fica horas e horas, em seu quarto, lendo e ouvindo músicas. No colégio, não se isola, mas também não se junta com todo mundo, seleciona as amizades. Com o namorado, não se mostra muito interessada, acha-se muito nova para firmar namoro. No clube ou na praia, mostra-se bastante solta: joga vôlei, tênis, gosta de fazer ginástica, não pára um minuto.
Das qualidades de Sara, a que mais me chama atenção é a sua dedicação aos estudos, o seu interesse em vencer na vida, o que mostra ser uma pessoa inteligente e conhecedora do seu mundo.   Conforme o texto responda:

07 -1.(D-09) Quanto ao gênero pode-se dizer que:
a.possui caráter narrativo
b.é uma dissertação sobre a vida de uma pessoa.
c.é uma descrição.
d. interpreta os sentimentos e caracteres de alguém.

08 - 2.(D-03) São características de natureza geral:
a.Sara Isabel tem intereese em vencer na vida.
b.Ela seleciona as amizades.
c.não se mostra muito interessada em namoro.
d. é morena, tem quinze anos, pesa sessenta e dois quilos.

09 - 3. (D-02) São aspectos que se profundam no conhecer da pessoa descrita:
a.pretende formar-se em medicina.
b.é de uma beleza irreparável.
c.Fica horas e horas em seu quarto lendo ou ouvindo música.
d.mostra ser uma pessoa inteligente.

10 -4.(D02) No texto, a parte que dá ênfase a uma característica que melhor define Sara Isabel.
a.muito nova para firmar namoro.
b.cursa o primeiro ano do segundo grau.
c.Não pára um minuto.
d.dedicação aos estudos, o seu interesse em vencer na vida.

11 -5.(D-08) "... não se junta com todo mundo." Desta informação apresentada no texto infere-se que:
a.Sara Isabel se acha mais importante que as outras pessoas.
b.Sara Isabel é preconceituosa.
c.Sara Isabel é orgulhosa.
d.Sara Isabel é uma pessoa reservada.

12 6.(D-06) Do texto, depreende-se que Sara Isabel mostra-se bastante solta pelo fato de:
a.participar em diversas atividades.
b. ser determinada e objetiva.
c.ser livre para ir aonde quiser.
d.fazer o que da na cabeça sem pensar nas consequências.

NOTA; RESPONDER NO CARDERNO, VALENDO PONTO